instruções para morrer (pós-cortázar)

 
sente-se numa cadeira
posicionada no meio do concreto do alto de um prédio
ou de uma casa
observe as formigas e os relógios, o mel e os ratos
chorar já não é mais tão simples assim
com os filmes e o deserto que se alastra
tudo é concreto, tudo é abstrato
o banco, a senhora de verde, o diabo
o navio que deveria chegar no porto
o sol que deveria estar posto e a mesa
 
gire os ponteiros, retire as balas
já te deram a morte
agora é só vestir.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
§
Anúncios

~ por autor em 23/11/2016.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: